Instagram

O fim da revista capricho

Eu lembro da minha primeira revista Capricho, foi na época do lançamento do filme Programa de proteção para princesas, e tinha a Selena Gomez junto com a Demi Lovato. Comprei as edições durante muuuuuuito tempo, lembro até que os meninos da minha turma pegavam as minhas revistas para ver as garotas de lingerie. Depois que conheci a internet, acabei abandonando o conteúdo em papel, mas nada vai ser tão mágico do que ler as piadas do Jerry e os textos de amor da Meg Cabot direto da revista, sem contar que pegas a revista novinha na banca era quase terapia!

Foi anunciado no dia 2 desse mês (junho) que a revista pararia de ser vendida nas bancas, e restaria para nós apenas as mídias sociais, que por falar nelas, estão evoluindo. Admito que não compro a capricho a um tempo, minha última revista foi com a Bruna Vieira na capa, com um especial de blogueiras, mas eu lembro também de várias revistas que me ajudaram muito, como o especial de 15 anos com a Isabelle Drummond e o volta as aulas com a Mari Rios.

De qualquer forma, as versões digitais das revistas ainda serão vendidas na App Store e na PlayStore, mas nunca vai ser a mesma coisa, né? Sei que não peguei a capricho dos anos 90 ou de 2006 pra baixo, mas sei que aproveitei bastante o que eu podia aproveitar da Capricho, que fazia eu instantaneamente me sentir mais adolescente mesmo com os meus 10 anos de idade.

Me fala gente, quem nunca quis sair naquela coluna de It Girl da Capricho? Ou ser da galera? Lembro que saíam matérias suuuuuuper legais dos eventos que elas participavam, e amigo oculto no final do ano. Sempre fui meio excluída na escola, então não tinha o costume de tirar duvidas com as amigas, eis que a Capricho era a salvação, dando dica de como conquistar o boy magia, esquecer o ex (e a criança aqui nem tinha beijado), e o guia de como usar o twitter.

Acho que o maior arrependimento da minha infância foi ter picotado a maioria das minhas revistas antigas pra fazer uma agendinha personalizada, que a propósito ficou um luxo só! Lembro da época em que Crepúsculo estourou e só dava Taylor Lautnet e Kristen na capa, poster do lindão sem camisa, e entrevistas que todo mundo se matava pra ver. Quem ai nasceu entre 1999/2000 vai entender a felicidade em comprar  revista e vir brinde, tipo gloss labial da capricho, pulseirinha e essas coisas. 

7 comentários:

  1. Olha,não sabia dessa novidade. Mais investir em algo digital é melhor ^^

    Tem look novo lá no blog,vem ver?
    http://www.blogespacoteen.com/2015/06/look-do-dia-blusa-rendadasaia-brilhosa.html
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  2. Vi essa noticia sobre o fim da capricho e pensei: MELDEUS.
    Eu comprei algumas no inicio da adolescência, lá por 2000 e alguma coisa e adorava. Mas nessa época já usava a internet, então acompanhava a maioria das coisas já pelo site deles. Esse fim da Capricho impressa acho que é o destino da maioria das revistas, hoje em dia são poucas as pessoas (pelo menos que eu conheço) que mantiveram o costume de comprar... mas mesmo assim, dá aquela bad, né? Haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, poucas pessoas procuram informação nas mídias impressas, eu mesma era super viciada em internet quando botaram o computador lá em casa, lá pra quando eu tinha uns 6 anos e o meu email do orkut era bequinha99. Vou sentir falta dos posters, acho que quem acompanhava todas as edições, ou eram assinantes e tudo mais vão sentir mas na pele. Na gente, aquela nostalgia boa das matérias shaushaushas Beijinhos <3 <3

      Excluir
  3. Ai Beca, te entendo viu? Também fiquei chateada com essa notícia, mas é que agora é tudo tão digital, né? :( Quando era mais nova, comprei muuuuuitas Capricho's, depois parei, ainda bem que recentemente consegui as duas edições com as minhas blogueiras favoritas!

    Só nos resta acompanhar tudo pelas redes sociais...

    Super beijo <3
    www.omundodelua.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu queria muito a penúltima que lançou, com a Taci, Kéfera, Niina... Mas acabei enrolando de mais pra comprar, sendo que era uma edição que eu me interessava bastante. Querendo ou não, essas revistas sempre nos inspiram pra post novo. Gosto muito do seu blog, beijinhos <3

      Excluir
  4. Sério? Acabou?
    Essa revista fez parte da minha adolescência até os 18 anos de idade!
    Aprendi a fazer bolo por causa de uma edição de férias!!! *-------*
    Vou sentir saudades...
    bjsss e boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. shaushaushausas Infelizmente sim, vai deixar saudades. Beijinhos <3 <3

      Excluir

Blog da Beca - 2016. Programação por : Beautée Store. Tecnologia do Blogger. Subindo... imagem-logo